sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Raul Lino, o arquitecto da casa portuguesa

0 comentários
 

Nascido em 1879, em Lisboa, Raul Lino saiu cedo do país por vontade de seu pai. Partiu primeiro para Inglaterra, em 1890, onde realizou a sua primeira formação num colégio dos arredores de Windsor. Já adolescente, foi para a Alemanha aprender outra língua e estudar arquitectura. Durante os anos que permaneceu em Hannover, Raul Lino conheceu o historiador e arquitecto Albrecht Haupt (1852-1932), em cujo ateliê trabalhou até regressar a Portugal. Esta convivência revelou-se marcante no seu pensamento e na definição de alguns dos princípios que nortearam a sua produção arquitectónica. Com Haupt, grande estudioso da arquitectura renascentista portuguesa, absorveu um espírito historicista e nacionalista de cariz clássico e, simultaneamente, descobriu um Portugal que desconhecia. Outra grande influência, revelada pelo próprio, foi o escritor A.D. Thoreau, cujo livro Walden or life in the woods exalta os valores da vida meditativa, em harmonia e comunhão com a natureza, o acompanhou ao longo da sua vida. A outra influência relevante, que foi igualmente uma paixão, foi a música. Importantes foram também as viagens que realizou: primeiro pelo país, sobretudo pelo Alentejo, na companhia do seu amigo Roque Gameiro, depois, em 1902, por Marrocos. Mais tarde, Raul Lino passaria também, entre outros, pelo Brasil, Moçambique e Itália. Do conjunto da sua produção arquitectónica, o período mais fecundo foi entre 1900 e 1920, quando projectou algumas das suas obras mais emblemáticas, como as designadas “casas marroquinas”, realizadas entre 1901 e 1903 - a casa Montsalvat, para o pianista Alexandre Rey Colaço, a casa de Jorge O’Neill, a casa Silva Gomes e a vila Tanger -, a casa dos Patudos (Alpiarça, 1904), a quinta da Comenda (Outão, 1909), a casa do Cipreste, que projectou para sua habitação, em Sintra (1913) e a loja Gardénia, no Chiado (1917).

Sem comentários:

Enviar um comentário

 
© 2013. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff